22 de dez de 2013

50 perguntas para abrir a sua mente #5

Último post fechando as questões do meme 50 perguntas para abrir a sua mente, que peguei no blog da Cinthya Rachel.

Se quiser ler as perguntas anteriores, é só clicar: #1, #2, #3 e #4.



* * *

41. Se você soubesse que todo mundo que você conhece fosse morrer amanhã, quem você visitaria hoje?

Tem que escolher uma pessoa só? Cruel, hein... Essa eu passo.

42. Você diminuiria sua expectativa de vida em dez anos para se tornar alguém famoso?

Definitivamente não. Se bobear, eu diminuiria minha expectativa de vida em dez anos justamente para não me tornar famosa...

43. Qual é a diferença entre estar vivo e realmente viver?

Estar vivo é levantar da cama todos os dias, trabalhar, respirar, comer, dormir, se mexer, manter a máquina do corpo funcionando. Viver é encontrar um sentido em tudo isso... algo que faça o esforço valer a pena.

44. Quando é a hora de parar de calcular riscos e recompensas, e simplesmente seguir em frente e fazer o que acredita ser correto?

Quando os cálculos começarem a te deixar com mais dúvidas do que certezas.

45. Se nós aprendemos com nossos erros, por que estamos sempre com medo de cometer um erro?

Porque somos bobos, basicamente. E porque temos muito medo do que os outros vão pensar ao nos verem errando...

46. O que você faria de diferente se soubesse que ninguém iria te julgar?

Ah, tantas coisas! Dançaria, flertaria, comeria, pensaria, falaria, mostraria... viveria. ;)

47. Quando foi a última vez que você percebeu a som da sua respiração?

Agora há pouco... Para quem gosta do silêncio como eu, isso é fácil.

48. O que você ama?

Posso fazer uma lista? Mais fácil vocês lerem aqui.

49. Daqui a cinco anos, você irá se lembrar do que você fez ontem? E um dia antes? E outro dia antes?

Se não aconteceu nada de diferente, por que eu lembraria?

50. Decisões estão sendo tomadas agora. A questão é: você está tomando-as por si mesmo, ou está deixando que outros as tomem por você?

Não estou deixando que tomem decisões por mim, mas também não posso dizer que tenho decidido muitas coisas... No momento, me sinto estagnada, parada. E sinto que o único jeito de sair disso é justamente tomando algumas decisões e colocando-as em prática. Juntando coragem... daqui a pouco é mais um ano que começa, sempre é tempo, não? ;)

Fim.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

• Os comentários serão respondidos aqui mesmo, no blog.
• Comentários que eu considerar ofensivos não serão aceitos.
• Comentários de propaganda não serão aceitos.
• Caso queira falar comigo sobre algum assunto específico, deixe seu e-mail em um comentário (que não será publicado), que eu entro em contato.

Obrigada pela visita, e volte sempre!

Fernanda.