3 de abr de 2016

Desafio das 52 semanas #13

Não conhece o desafio? Clique aqui! ;)


Tema da Semana:
~ * ~
Fico sem graça quando...


1. Estou no meio de gente apenas conhecida. Obviamente lido bem com amigos chegados, e com desconhecidos, bem, quem liga? A gente nunca mais vai ver aquelas pessoas, mesmo... Mas com conhecidos a coisa complica, porque são pessoas que você vai acabar encontrando de novo várias vezes, mas que provavelmente não te conhecem o suficiente pra te entender certinho; daí que sempre acho que estou falando a coisa errada, ou agindo de forma errada, ou passando a mensagem errada, e por aí vai. É difícil ser eu mesma com meros conhecidos, e não importa o que eu faça, sempre fico meio sem graça perto deles. :S

2. Viro o centro das atenções. Detesto a sensação de ter pessoas prestando atenção em mim. Quer me deixar querendo cavar um buraco para me esconder dentro dele? Me transforme no centro das atenções de alguma conversa. Sério, muda o foco: fala do clima, de política, de física quântica, da espinha enorme que nasceu no seu nariz, mas não foca em mim, não, por caridade...! /o\

3. Interajo com pessoas da minha idade. Essa eu sei que é bem esquisita, mas quase sempre acontece. E quanto maior o grupo de pessoas, mais sem graça eu fico. Com homens, o negócio piora. E se forem homens bonitos, então, Deus me livre, é um pesadelo! :P A verdade é que, por alguma razão obscura da minha psique que não queremos analisar nesse momento, pessoas da minha idade me intimidam. Mas, por outro lado, me coloca pra conversar com velhinhos, pra você ver...! Amo, melhores pessoas pra conversar. ;)

4. Fico com calor. Sim, porque geralmente eu suo muito, fico com a cara vermelha igual a um tomate, fico sem fôlego.... De verdade, se você me encontrar em algum momento em que eu esteja realmente com calor, você vai entender o motivo de eu ficar sem graça, porque acredite: não é um quadro bonito de se ver. :P

5. Recebo elogios. Profundamente clichê, mas é a mais pura verdade: não sei lidar com elogios. Qualquer resposta a um elogio me parece errada: se agradeço, acho que pareço convencida; se desconverso, parece que tenho problemas de auto-estima; se só dou um sorriso, acho que pareço metida. Socorro, não tem reação certa pra elogio...! Como vocês lidam com isso, caros leitores, pelo amor de Deus? :P

2 comentários:

  1. Eu também transpiro muito, mas graças a Deus não com tanta frequência. Mas morro de medo de ficar fedendo, por isso já ando com desodorante na bolsa, pra reaplicar quando for preciso.

    Engraçado, eu já sou muito melhor para interagir com pessoas da minha faixa etária. Até, sei lá, 10 anos mais velhos ou mais novos. Mais do que isso eu já não sei como lidar. O que se conversa com velhinhos, gente?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Nossa, eu suo demais! O mais desesperador é que eu olho em volta e tá todo mundo lá de boas, enquanto eu tô escorrendo suor por todos os poros. É tipo MUITO constrangedor. :P

      Velhinhos são ótimos! Eles têm as melhores histórias pra contar :) Já trabalhei com idosos algumas vezes, e gosto bastante. E o negócio sempre foi recíproco, a maioria smp gostou de mim, conquistei até umas vovós e vovôs mais emburrados, rs. :)

      Excluir

• Os comentários serão respondidos aqui mesmo, no blog.
• Comentários que eu considerar ofensivos não serão aceitos.
• Comentários de propaganda não serão aceitos.
• Caso queira falar comigo sobre algum assunto específico, deixe seu e-mail em um comentário (que não será publicado), que eu entro em contato.

Obrigada pela visita, e volte sempre!

Fernanda.