2 de mar de 2016

Patinhos Feios #3

Continuando meu TOP 6 (dividido em seis posts) de:


Melhores Histórias de Patinhos Feios Ever!

3- A Bela e a Fera.


Como uma boa apreciadora de histórias de patinhos feios, não é de se surpreender que A Bela e a Fera seja o meu conto de fadas preferido desde que consigo me lembrar.  Sou completamente apaixonada pela história, tanto pelo conto original, como por muitas das variações, adaptações, e histórias nele inspiradas. Em outras palavras, se tem a ver com A Bela e a Fera, as chances de eu gostar são grandes. ;)

- - - - -

O conto narra a história de Bela, uma jovem muito bonita que, para salvar o pai, aceita se tornar prisioneira de uma Fera temível que vive em um castelo enfeitiçado, escondido no meio de uma floresta sombria. Certamente foi uma escolha muito difícil para a moça, principalmente porque no princípio a Fera era realmente muito assustadora... Porém, Bela vai descobrindo que por trás da aparência bruta se esconde um ser solitário, que, aos poucos, se revela bondoso e gentil. Entretanto, certos acontecimentos acabam levando Bela para longe da Fera... e quando os dois se reencontram, ele está à beira da morte! É nesse momento que a jovem percebe que havia se apaixonado por ele, que o ama de verdade. Então, para sua completa surpresa, diante desta revelação a Fera se transforma em um príncipe... E conta à Bela sua história: ele havia sido enfeitiçado muito tempo antes, e só voltaria a ser humano se alguém se apaixonasse por ele, mesmo com sua aparência terrível. Os anos passaram, e ele já não tinha esperanças - pois quem seria capaz de amar um monstro? Mas Bela havia chegado e, contra todas as expectativas, o amou. Desta forma, finalmente o feitiço estava desfeito... E eles viveram felizes para sempre! The end. ;)

- - - - -

Todo mundo conhece essa história, não?  Eu escrevi um resumo bem genérico justamente porque, sendo tão popular e querida, existem incontáveis versões que carregam mudanças importantes... Mas, na essência, o enredo é esse.

E são tantas as boas lições que podemos extrair desse conto...! 

A primeira, obviamente, é: Não se deixar enganar pelas aparências, pois a beleza está no interior das pessoas. De fato, Bela aprendeu isso - ela enxergou a mudança na Fera, suas qualidades, e no fim, isso foi mais importante do que a sua aparência amedrontadora.

A Fera, por sua vez, precisou crescer muito antes de alcançar a redenção. Acredito que na maioria das versões do conto fica estabelecido que ele foi enfeitiçado porque era uma pessoa egoísta e fútil; desta forma, foi amaldiçoado com uma aparência que condizia com seu interior obscuro. Por isso viveu amargurado, desesperançado e solitário por muito tempo... Até Bela entrar em sua vida. Foi quando a principal mudança aconteceu, a Fera passa por uma verdadeira transformação em seu interior: troca os gritos por gentileza, troca a escuridão do castelo por passeios nos jardins, troca o isolamento por companhia, troca o egoísmo por generosidade e altruísmo (isso fica bem claro quando ele permite que Bela parta para encontrar o pai, mesmo que tal atitude pudesse prejudicá-lo tremendamente)... Finalmente, a Fera trocou o rancor e o ressentimento pelo amor - porque, convivendo com Bela, ele afinal aprendeu a amar *snif* Só então, depois de tamanha mudança interior, ele pôde ver seu exterior sendo transformado - e melhorado. ;)

Ai, ai... Amo demais! 

- Adaptações: Conforme já mencionei, ao longo dos anos foram feitas inúmeras adaptações do conto, e eu gostaria de citar - não necessariamente em ordem de importância - algumas das minhas preferidas:
  • A Bela e a Fera, Disney - esclarecendo que esse tópico engloba tanto a animação, quanto o musical da Broadway. PRECISA FALAR ALGUMA COISA?  Sobre o filme, foi provavelmente o que mais assisti durante a minha infância, tanto que sei as falas de cor até hoje: posso recitar tudinho e provavelmente só vai me escapar uma ou outra frase, pra ter noção do nível de amor.  Destaque para a trilha sonora, que amo demais: Beauty and The Beast - especialmente a versão de Celine Dion e Peabo Bryson - é a coisa mais linda dessa vida.  Finalmente, ainda sobre a Disney: estou ansiosíssima pela versão live action que vai ser lançada em 2017. Altas expectativas! ;)
  • A Bela e a Fera, da coleção Conte Outra Vez. Provavelmente quase ninguém conhece, porém, junto com a animação da Disney, foi uma das versões que mais marcou minha infância - isso porque eu era completamente viciada nessa coleção, ouvia as fitas todos os dias.  Vale ressaltar que a narrativa se aproxima bastante do conto original, e esse foi o meu primeiro contato com ele.
  • A Fera, livro escrito por Alex Flinn. Amo essa adaptação, acho fantástica a forma como traz o conto para os dias de hoje em um universo High School, mas sem perder a magia.  Existe um filme baseado nesse livro que não chega a ser ruim, mas que realmente não acho ter feito jus à obra original. Ou talvez seja só porque colocaram a Vanessa Hudgens como Lindy e eu não vou muito com a cara dela. Mas vale pela FABULOSA Mary Kate Olsen no papel da Kendra. Apenas arrasou. \o/
  • Once Upon a Time. A série não fala exclusivamente sobre A Bela e a Fera, é claro, mas a história está lá muito bem representada. Eu amo a forma como #OUAT consegue mesclar os contos de fada, juntando todos em um mesmo universo.  Porém, é necessário dizer: não me conformo com o que andam fazendo nas últimas temporadas, meu coração shipper de #Rumbelle não aguenta mais sofrer. APENAS PAREM PFVR GRATA.
  • A Bela e a Fera, filme francês lançado em 2014. Curiosamente, na primeira vez que assisti achei ruim, mas depois simplesmente amei. A trama é inspirada no conto original, mas foram feitas várias mudanças e adaptações que acabaram ficando muito boas. E o que é a fotografia desse filme? Linda demais, de tirar o fôlego! 

Continua...

2 comentários:

  1. Fera <3 Não tem nada que eu ame mais do que esses personagens que todo mundo acha que são ruins, mas na verdade são bons.

    ResponderExcluir

• Os comentários serão respondidos aqui mesmo, no blog.
• Comentários que eu considerar ofensivos não serão aceitos.
• Comentários de propaganda não serão aceitos.
• Caso queira falar comigo sobre algum assunto específico, deixe seu e-mail em um comentário (que não será publicado), que eu entro em contato.

Obrigada pela visita, e volte sempre!

Fernanda.